Wisecrop lidera movimento de digitalização do setor agrícola português

A Wisecrop, startup incubada na UPTEC – Parque de Ciência e Tecnologia da Universidade do Porto, lançou um movimento para acelerar o processo de incorporação tecnológica na agricultura. A campanha JANOTA – Jovem Agricultor(a) Nacional Orgulhosamente com Tecnologia Agrícola – pretende capacitar os agricultores para o uso de soluções digitais e tornar o setor mais atraente e competitivo.

“Sentimos que este é o momento certo para lançar este movimento, uma vez que estamos numa fase de transição entre a antiga PAC (Política Agrícola Comum) e a nova, onde as tecnologias irão adotar um papel importantíssimo. Pretendemos acelerar o processo de digitalização da agricultura portuguesa, para que evolua e se torne mais competitiva em mercados externos e, por consequência, se torne mais atraente a investimento e a captação de recursos humanos.”, destaca Tiago Sá, CEO e cofundador da Wisecrop.

A Wisecrop é um sistema operativo agrícola que, através de uma interface centralizada, disponibiliza dados em tempo real e gestão remota. Criada há seis anos, na UPTEC, a startup já conquistou 3000 utilizadores – entre agricultores, técnicos agrícolas ou associações de produtores.

A utilização da Wisecrop permite poupanças significativas com a rega e nutrientes, a redução do uso de fitofármacos ou o aumento da eficácia laboral e da maquinaria. Por outro lado, a solução providencia também vantagens intangíveis como o “conforto trazido em momento de certificação, o acesso à exploração de forma instantânea e remota, o que evita deslocações propositadas, ou a capacidade de acompanhar a evolução dos custos de produção, que resulta numa previsão precisa e atempada do proveito da campanha.”, revela Tiago Sá.

Com clientes por todo o país – Continente e Ilhas –, a Wisecrop já conquistou também mercados como a Espanha, Itália e Brasil. O principal foco da ferramenta são as culturas frutícolas e hortícolas em solo desprotegido, mas a startup também colabora com clientes que produzem em túneis e estufas, bem como ervas aromáticas, cogumelos ou cereais.

Em 2019, Tiago Sá foi escolhido para a lista dos 30 melhores talentos europeus com 30 anos ou menos. A seleção feita pela revista Forbes distinguiu o português na categoria de empreendedores sociais.

 


Partilhe com os seus seguidores

 

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on skype
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

PUB


 

Slider

Linha do Comércio

A Linha do Comércio tem como objetivo potenciar oportunidades de negócio, divulgar produtos e serviços das empresas locais.

Simultaneamente, esta plataforma pretende possibilitar o desenvolvimento de ações concertadas de promoção e dinamização de eventos.

Com esta presença virtual coletiva espera-se que haja um reforço da capacidade de cooperação entre os empresários locais. O Nome Linha é associado ao Comboio, meio de essencial importância para ligar gentes e terras.

É com este carácter agregador que pretendemos ligar o comércio e divulgá-lo daqui para o Mundo.

Loading...

Novidades

Áudios Recentes